Instalação de pacotes com o apt

Nesse post, vou falar sobre instalação de pacotes usando o aptadvanced package tool. O apt é um front-end para o dpkg e reúne um conjunto de ferramentas para gerenciar pacotes de uma forma automatizada. Isso quer dizer que, quando usamos o apt para instalar um programa, ele também instala ou atualiza as dependências de todos pacotes necessários para o funcionamento do programa.

Assim como o dpkg, o apt trabalha em linha de comando, mas não assusta: conhecendo ele, fica fácil de usar😉 !

Podemos instalar pacotes pelo apt usando o CD de instalação ou pela Internet, através de repositórios ftp ou http, que são configurados no arquivo /etc/apt/sources.list.

Vamos entender como o arquivo sources.list trabalha. Ele contém os locais onde o apt irá buscar os pacotes e a distribuição utilizada. E falando sobre distribuição, temos:

stable – é a versão atual totalmente homologada pela equipe do Debian. O codinome da versão stable atual do Debian é Lenny.

testing – é a próxima versão do Debian que está sendo testada para se tornar stable. O codinome da versão testing atualmente é Squeeze.

unstable – versão em constante desenvolvimento; pacotes nessa versão podem conter bugs ou falhas de segurança. O codinome da versão unstable é Sid.

O arquivo sources.list possui a seguinte estrutura:

deb uri distribuição componente

Onde:

deb – Indica um pacote Debian; pode ser deb (pacote pré-compilado) ou deb-src (código fonte).

uri – Indica o endereço do repositório dos pacotes, que pode ser http ou ftp

distribuição – versão do Debian, que pode ser stable, testing ou unstable.

componente – seção da licença que será verificada no site remoto. Pode ser main (contém apenas softwares livres, de acordo com a DFSGDebian Free Software Guidelines), contrib (contém software livre que depende de software proprietário) ou non-free (contém software de código fechado ou que não se enquadra na DFSG).

Um exemplo básico de repositório válido para o sources.list se encontra abaixo:

[1] deb http://http.us.debian.org/debian stable main contrib non-free

[2] deb http://security.debian.org stable/updates main contrib non-free

Com o repositório [1], temos acesso a pacotes pré-compilados (deb) no servidor http://http.us.debian.org/debian, da versão stable e que contenham qualquer tipo de licença (main, contrib ou non-free). A linha [2] temos acesso ao repositório de atualizações de segurança para a versão stable.

Para adicionar o CD como mirror, colocamos o cd 1 no driver e executamos o comando apt-cdrom:

# apt-cdrom add

Este comando adiciona automaticamente uma linha para cada CD no arquivo /etc/apt/sources.list; quando for instalar um novo programa, o apt irá solicitar que o CD correspondente seja inserido na unidade e pressionado <Enter> para continuar.

Após adicionar o mirror, seja para baixar pacotes pela Internet ou pelo CD, vamos atualizar a lista de pacotes do apt. Para isso usamos o apt-get com a opção update:

# apt-get update

Com o comando acima, o apt irá criar uma lista de todos pacotes disponíveis no mirror, seja pela net ou pelo CD. É importante executar esse comando porque o apt usa essa lista de pacotes para verificar se esses precisam ou não ser atualizados; e cada vez que executamos o update, uma lista mais nova de pacotes é copiada.

Para instalar pacotes, usamos o apt-get com a opção install:

# apt-get install <nome_do_pacote>

Pode instalar mais de um pacote na mesma linha, separando os nomes por espaços; diferente do dpkg que pede o nome do .deb completo (com a versão e revisão). Caso existam dependências, o apt irá instalar automaticamente; se for necessário instalar pacotes além do pedido pelo usuário, o apt mostra o espaço em disco que será usado e pergunta ao usuário se ele deseja continuar. Caso a resposta seja negativa, a instalação é abortada.

Como exemplo, vamos instalar o vlock, que é um programa para bloquear terminais em modo texto:

# apt-get install vlock

Lendo listas de pacotes… Pronto
Construindo árvore de dependências
Lendo informação de estado… Pronto
Os NOVOS pacotes a seguir serão instalados:
vlock
0 pacotes atualizados, 1 pacotes novos instalados, 0 a serem removidos e 9 não atualizados.
É preciso baixar 38,1kB de arquivos.
Depois desta operação, 221kB adicionais de espaço em disco serão usados.
Obter:1 http://ftp.debian.org stable/main vlock 2.2.2-3 [38,1kB]
Baixados 38,1kB em 5s (7459B/s)
Selecionando pacote previamente não selecionado vlock.
(Lendo banco de dados … 20701 arquivos e diretórios atualmente instalados).
Desempacotando vlock (de …/vlock_2.2.2-3_i386.deb) …
Processando gatilhos para man-db …
Configurando vlock (2.2.2-3) …

Agora, supondo que eu queira remover o pacote, o comando é praticamente o mesmo… basta trocar a opção install por remove:

# apt-get remove vlock

Lendo listas de pacotes… Pronto
Construindo árvore de dependências
Lendo informação de estado… Pronto
Os pacotes a seguir serão REMOVIDOS:
vlock
0 pacotes atualizados, 0 pacotes novos instalados, 1 a serem removidos e 9 não atualizados.
Depois desta operação, 221kB de espaço em disco serão liberados.
Você quer continuar [S/n]? s
(Lendo banco de dados … 20731 arquivos e diretórios atualmente instalados).
Removendo vlock …
Processando gatilhos para man-db …

O que coloquei acima, é o básico para se usar do apt! Mas existem outras opções interessantes para conhecer. Por exemplo, imagine que eu queira instalar um cliente de mensagem instantâne e não saiba o nome dele. Basta usar o comando apt-cache para localizar o pacote!

# apt-cache search msn
emesene – platform independent MSN Messenger client
kopete – instant messenger for KDE
licq-plugin-msn – MSN plug-in for Licq
centerim – um cliente de mensagens instantâneas multiprotocolo em modo texto
amsn – um mensageiro MSN escrito em Tcl
pidgin – graphical multi-protocol instant messaging client for X

Acima, pedi para localizar pacotes que contenham msn… vejam além do nome do pacote, também tem uma breve descrição do que o pacote faz. Ai, basta eu usar a lista para localizar o pacote que quero instalar.

Agora, caso deseje fazer uma atualização dos pacotes instalados, bastam dois comandos:

# apt-get update

# apt-get upgrade

O update é necessário para atualizar a lista de pacotes dos repositórios que estão cadastrados no sources.list. E a opção upgrade é quem vai atualizar os pacotes já instalados no sistema. Lembrando que, se estiver usando o CD como seu repositório, a opção upgrade não atualiza nada; afinal de contas sempre serão os mesmos pacotes.

Se você tiver acesso a Internet, é preferível comentar as linhas referentes ao CD. Linhas iniciadas com “#” no sources.list, são ignoradas. E não esqueça de, após comentar o arquivo, executar novamente o update para atualizar a lista de pacotes.

Ainda falando sobre atualização, se quero atualizar um Debian que esteja utilizando a versão Etch (4), para a versão mais nova – Lenny (5), basta editar o sources.list:

deb http://http.us.debian.org/debian lenny main contrib non-free

deb http://security.debian.org lenny/updates main contrib non-free

Após fazer a alteração, basta executar o update:

# apt-get update

E em seguida, usar o dist-upgrade para atualizar a distro:

# apt-get dist-upgrade

Agora, para encerrar sobre o apt… quando instalamos pacotes via apt, os .deb são guardados no diretório /var/cache/apt/archives. Dependendo de quantos programas você instala, ou atualiza, esses .deb vão ocupando espaço no HD… então, para fazer uma limpeza, basta usar a opção clean do apt-get:

# apt-get clean

Esse comando limpa o diretório /var/cache/apt/archives e libera mais espaço no HD.

Para conhecer mais sobre o apt:

# man apt

Até o próximo post!🙂

1 Response to “Instalação de pacotes com o apt”


  1. 1 Leonardo Damasceno 25/09/2009 às 9:16 AM

    Parabéns pelo artigo cara!
    também faço tutoriais para Linux e BSD, infelizmente não temos motivação suficiente pra continuar, e as vezes acabamos parando…

    Porém, esse seu tutorial ficou muito bom! Parabéns!


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Follow Nix on WordPress.com
junho 2009
S T Q Q S S D
« maio   jul »
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  

Flickr Photos

Fast-flying Falcon

Mais fotos

%d blogueiros gostam disto: